Outubro Rosa: uma campanha de todos nós

De acordo com os dados recentes do Instituto Nacional de Câncer (INCA), estima-se que cerca de 60.000 novos casos de câncer de mama sejam diagnosticados no Brasil por ano. A cada 100 mil mulheres, cerca de 50 desenvolvem a doença. Porém, quando detectado precocemente, o câncer de mama tem cura em 90% dos casos! É neste ponto que o Outubro Rosa tem cumprido o seu papel. Durante todo o mês de outubro, devemos unir forças para ajudar a campanha mundial de conscientização do câncer de mama.

Mais do que levantar dados, a campanha visa garantir às mulheres atendimento, assistência médica e suporte emocional, através de prevenção, diagnóstico e tratamento de qualidade.

A mamografia é a melhor forma de prevenção, mas o autoexame preventivo também ajuda detectar a doença.

Confira, nas imagens abaixo, como fazer o autoexame preventivo:
01Primeiro, levante o braço esquerdo, colocando a mão para trás da cabeça.

Com a mão direita, apalpe cuidadosamente a mama esquerda, fazendo movimentos circulares.

2

Ainda com a mão direita sobre a mama esquerda, faça movimentos convergentes (de fora para o centro) na direção dos mamilos.

 

03

Com a mão direita sobre a mama esquerda, faça movimentos para cima e para baixo.

 

 

4Por fim, com a mão direita, pressione o mamilo esquerdo suavemente e observe se sairá alguma secreção.

 

Repita todos os processos anteriores na mama direita.

A palpação deve ser feita com os dedos das mãos juntos e esticados, com os movimentos acima em toda a mama, indo em direção às axilas.

Nós da Ortobom, entendemos e valorizamos a importância do Outubro Rosa, por isso apoiamos essa ação. Junte-se à causa e ajude mais mulheres a terem essa consciência!

 

Velas Aromáticas

Post-blog-velas-aromaticasAlém de serem ótimos itens decorativos, as velas aromáticas podem trazer ótimas sensações, com aromas que podem estimular funções do organismo a nível sensorial e extra-sensorial.

O ideal é acender uma vela pela manhã e à noite, o objetivo é a tranquilidade e o relaxamento. Deixe em um lugar fechado por cerca de uma hora, para que o aroma possa ser sentido e faça os efeitos desejados. Sendo de extrema importância, essencial para o equilíbrio físico, emocional e mental.

Por isso que a aromatização de cada ambiente é importante e merece nossa atenção, cada um deles têm um significado:

Brancas: Trazem harmonia e espiritualidade, usadas em decorações sóbrias. As mais indicadas são a camomila e o sândalo;

Vermelhas: Sendo a cor da paixão, essa vela é associada a sensualidade. Com o patchouli sendo o aroma mais indicado;

Laranjas: Para quem quer se concentrar, é a vela ideal. Aumenta o poder mental, e a fragrância perfeita é alfazema, que carrega prosperidade e alegria;

Amarelas: Muito usada com os aromas de erva doce e canela, é um cor associada à comunicação e o intelecto. Estimula a criatividade e os novos desafios;

Azuis: Traz a calma e o equilíbrio, como o cravo, que fortalece nossas energias e nos faz atravessar os momentos ruins;

Rosa: São românticas e diretamente associadas as relações, usadas pela sua imensa delicadeza. Os aromas ideias são os florais, diminuem o clima mais pesado e relaxa o ambiente;

Violenta: Podem ser usadas com aroma de lavanda e violenta, combatendo o estresse. Conhecida como a cor da purificação.

Os perfumes podem despertar memórias através dos gatilhos olfativos, por isso é ideal escolher entre tantos aromas o certo para o seu ambiente.

Uma ótima decoração para casa

As velas se tornaram além de itens terapêuticos, itens de decoração. Você pode colocá-la em todos os cômodos da casa, no quarto, no corredor, na cozinha, na sala e no banheiro. Se você tem uma mesa de jantar por exemplo, pode escolher um candelabro. Se você tem uma mesa ao lado da cama, pode pôr um porta velas ao lado. A dica é sempre não deixar o pavio sem queimar.

Alimentos funcionais: benefícios para sua saúde

Post-blog-alimentos-funcionaisOs alimentos funcionais oferecem benefícios adicionais à saúde e podem reduzir o risco de doenças crônicas degenerativas, como câncer e diabetes, entre outras. Mas, é preciso ter a consciência de que os alimentos funcionais não funcionam como medicamentos e, para que se tenham as melhores funções desses alimentos, eles devem ser ingeridos de maneira regular. Tem propriedades de nutrição no organismo e podem ser classificados quanto à fonte, de origem vegetal ou animal, ou quanto aos benefícios que oferecem. Aproveitando cada nutriente esses alimentos podem ajudar na proteção de células contra os radicais livres, na redução da absorção de colesterol, aumentam a efetividade do sistema imunológico, eliminam oxidantes e ajudam na regulação da pressão sanguínea. 

Algumas boas opções de alimentos funcionais:

Aveia: rica em betaglucana oferece benefícios como a manutenção dos níveis de colesterol, glicemia e pressão arterial;

Cebola: possui oligossacarídeos ajuda a evitar a constipação, reduz a pressão arterial e pode possuir também efeitos anti-cancerígeneos;

Soja: atenua os sintomas de menopausa, reduz os ricos de desenvolver câncer de útero, contem proteínas capazes de reduzir o mau colesterol (LDL) e sua quantidade ideal é uma xícara por dia;

Tomate: rico em licopeno tem ação antioxidante, reduz níveis de colesterol e risco de certos tipos de câncer, como de próstata;

Linhaça: são fibras que contém ácido graxo ômega 3 e lignanas que auxiliam na redução de doenças cardiovasculares, diabetes, osteoporose e sintomas da menopausa;

Chá-verde: possui catequinas, que são flavonoides que auxiliam contra diversos tipos de câncer agindo varrendo os radicais livres que oxidam as células do nosso organismo;

Azeite: tem o poder de diminuir o colesterol ruim (LDL) e o aumentar o bom (HDL).

Aproveitando todos os nutrientes

A preferência é que os vegetais sejam consumidos crus para se preservar todas as fibras, vitaminas e minerais e que as leguminosas e os tubérculos sejam cozidos com casca, dessa forma cria-se uma barreira de proteção e um maior aproveitamento do alimento. Garantindo então um melhor consumo dos alimentos para que todos os nutrientes sejam aproveitados. Sempre prefira o azeite de olive extra virgem, que mantém as propriedades funcionais desse tipo de gordura. E não esquente o azeite! Ele muda a estrutura dependendo do seu tempo de aquecimento. Não exagere no café, pois ele traz benefícios de forma exagerada e mascara a sede, impedindo o consumo correto de água.

Dieta e emagrecimento

O maior desafio de quem quer emagrecer é ter uma alimentação saudável e o consumo excessivo de alimentos industrializados não é a melhor maneira. A melhor forma de se montar uma dieta equilibrada é começando pela substituição dos gordurosos e industrializados por alimentos funcionais. O emagrecimento começa a acontecer com base no equilibro entre os alimentos, oferecendo ao corpo tudo de importante e essencial para mantê-lo saudável. Sendo essencial a preocupação com a saúde por isso não deixe de procurar um médico ou um nutricionista para que sua alimentação seja perfeitamente equilibrada e na proporção correta com as propriedades funcionais naturais dos alimentos na medida certa.

Os alimentos funcionais são aqueles que nos fornecem, além das suas funções nutricionais básicas, ingredientes necessários para o nosso organismo. Esses benefícios são sempre associados a uma alimentação equilibrada e com uma mudança de hábitos alimentares. Lembrando sempre que esses alimentos não funcionam como medicamento e não curam, porém com uma dieta balanceada, além de promoverem o emagrecimento, eles o ajudam a tornar-se saudável.

 

A saúde do seu pai: contribua para sua autoestima.

Post_BLOG_cuidados

A relação entre pais e filhos é recheada de ensinamentos, companheirismo e cooperação. A maneira como se relacionam tem muito efeito sobre quem serão no futuro e os pais são o primeiro referencial de amor de seus filhos. Com o passar dos anos, os papéis se invertem e chega a hora dos filhos cuidarem dos seus pais. É por este motivo que trazemos 9 dicas para ajudar no cuidado desses homens que fazem tudo por nós:

Conversar sempre: Fundamental que se sinta querido, assim ele se sente confortável e acaba tendo muito mais saúde e disposição para viver;

Check-up médico: Incentivar o acompanhamento médico regular é imprescindível, exames e consultas a diversos especialistas devem ser mantidos sempre em dia;

Leve a vida numa boa: Estressado seu corpo fica fadigado, sua mente se perde e nada flui numa boa, por isso faça com que seu pai leve a vida numa boa e com calma;

Novos hobbies: Incentive-o a criar novas atividades, fazer algum curso, visitar os amigos, enfim, a se divertir e manter novos hobbies;

Hábitos saudáveis: Uma alimentação equilibrada é essencial, com baixo teor de açúcar, sal e gordura e caminhada diária. Um simples passeio com os filhos é mais revigorante que uma dúzia de comprimidos;

Faça yoga: Diminui o estresse dele, a pressão sanguínea, os batimentos cardíacos e aumenta flexibilidade;

Muito carinho: Demonstrar sentimentos é essencial, carinho e amor melhoram a saúde de qualquer pessoa;

Boas noites de sono: O metabolismo pode ser prejudicado dormindo mal ou pouco, aumenta e a probabilidade de desenvolver doenças ao coração e diabetes cresce;

Lazer com família: Tirar um dia com a família para se divertir o estresse com certeza vai diminuir;

Os papéis se inverteram, e agora?

Não há fórmula certa para solucionar os problemas, afinal nascemos filhos e esperamos ser filhos para sempre. Pode chegar o dia em que nossos pais se transformem em nossos filhos e precisemos lembrá-los de comer, de tomar o remédio, dar-lhes a mão para que não caiam nas escadas. Se puder, sorria diante de seus comentários, ouça aquela história contada várias vezes como se fosse a primeira e faça perguntas como se tudo fosse inédito. Se proponha a viver esse momento com toda intensidade e demonstre o quanto é grande a sua capacidade de amor e de retribuir tanto amor.

Qualidade de Vida

ARTE-saude

Quando falamos sobre esse assunto estamos nos referindo não só a saúde física como o estado psicológico, o nível de independência, as relações sociais em casa, na escola e no trabalho e até a sua relação com o meio ambiente. Existem naturalmente outros fatores que influenciam, mas comecemos por ver o que significa qualidade de vida.

O conceito de qualidade de vida está diretamente associado à autoestima e ao bem-estar pessoal e compreende vários aspetos, como a capacidade funcional, o nível socioeconômico, o estado emocional, a interação social, a atividade intelectual, o autocuidado, o suporte familiar, o estado de saúde, os valores culturais, éticos e religiosos, o estilo de vida, a satisfação com o emprego e/ou com atividades diárias e o ambiente em que se vive.

Saúde e qualidade de vida são a mesma coisa

A saúde não é o único fator que influencia a nossa qualidade de vida, porém ela é muito importante.
Geralmente, são dois temas muito relacionados, uma vez que a saúde contribui para melhorar a qualidade de vida dos indivíduos e é fundamental para que um indivíduo ou comunidade tenha saúde. Mas não significa apenas saúde física e mental, mas sim que essas pessoas estejam de bem não só com elas próprias, mas também com a vida, com as pessoas que as cercam, enfim, ter qualidade de vida é estar em harmonia com vários fatores.

Já na saúde, a qualidade de vida é, muitas vezes, considerada em termos como ela pode ser afetada de forma negativa, ou seja, a ocorrência de uma doença debilitante que não constitui risco de vida, uma doença que constitui risco de vida, o declínio natural da saúde de uma pessoa idosa, o declínio mental, processos de doenças crónicas, etc.

Neste sentido, uma vida saudável tem um profundo impacto na qualidade de vida das pessoas.

Qualidade de vida e saúde física
Existe uma relação entre atividade física, a melhoria da condição de saúde e a qualidade de vida. Da mesma forma, existe uma relação entre uma correta alimentação e a qualidade de vida.
Ter uma alimentação saudável e equilibrada é fundamental para o nosso bem-estar. Quando o organismo recebe as quantidades ideais de nutrientes e vitaminas que precisa, a sua saúde física melhora e consequentemente aumenta a qualidade de vida. Se conseguirmos melhorar a nossa condição de saúde física rumo a uma vida mais saudável, conseguiremos melhorar a nossa qualidade de vida.

Qualidade de vida e saúde mental
Cada vez mais, surge uma importância crescente em cuidar de nossa saúde mental. Muitas vezes, algumas pessoas ao pensar em saúde e qualidade de vida deixam de lado a saúde mental. Assistimos diariamente o aumento dos casos de stress crónico, ansiedade e depressão, além de outros problemas psicológicos e emocionais.
Uma pessoa com a saúde mental debilitada, deprimida, por exemplo, tem grande dificuldade em manter relacionamentos amorosos, desempenhar as funções no trabalho e até mesmo educar os filhos.
Quando se tem a presença de problemas emocionais, isso pode influenciar todos os membros da família. Um indivíduo com a saúde mental afetada está mais propensa à dependência de drogas e de álcool, a contrair doenças infeciosas, desenvolver alergias, doenças autoimunes, etc.
Cuidar da saúde mental é muito mais simples do que parece, basta manter boas relações com as pessoas que nos rodeiam, ter uma vida amorosa satisfatória, não remoer problemas passados, não exigente em excesso consigo mesmo, perdoar-se e perdoar o próximo, rir sempre que puder, chorar quando precisar e amar. Se sentir dificuldades em fazer isto, é melhor procurar ajuda de um profissional.

Estar com boa saúde mental é estar em equilíbrio com o seu mundo interior e com o mundo que o rodeia, é estar em paz consigo mesmo e com os outros.

Como melhorar a qualidade de vida
Para que possamos garantir uma boa qualidade de vida no futuro, devemos começar já a se preocupar com a manutenção de hábitos saudáveis, a saber: cuidar do corpo, uma alimentação equilibrada, exercício físico, relações saudáveis, ter tempo para realizar atividades de lazer e vários outros hábitos que propiciem à pessoa bem-estar e qualidade de vida.
Para atingir um estado de completo bem-estar físico, mental e social, o indivíduo deve ser capaz de identificar e realizar os seus desejos, satisfazer as suas necessidades e modificar ou adaptar-se ao meio.
Se sentir bem e feliz é uma parte importante para se ter uma boa saúde e bem-estar. Encontre tempo para si e para quem gosta, dedique-se a novos hobbies e torne o tempo de lazer tão importante quanto o tempo que passa no trabalho. Alie a saúde à beleza.
Embora seja importante gostarmos do nosso reflexo no espelho, é também fundamental não cair em extremismos. Dietas loucas não só podem ser perigosas como também se tornam difíceis de cumprir.

Ser saudável é um caminho que busca diariamente, nas mais pequenas escolhas que fazemos, por uma vida mais plena e se surpreender com as diferenças que alguns gestos podem fazer.

Dia Mundial da Amamentação e campanha doação de leite materno

ARTE-BLOG-AMAMENTACAO

 

Hoje é o Dia Mundial da Amamentação. Essa data foi criada em 1992 pela Aliança Mundial de Ação Pró-Amamentação (World Alliance for Breastfeeding Action – WABA) com a finalidade de promover e fortalecer a prática da amamentação natural e de combater a desnutrição infantil. Além disso, a data possibilita a criação de bancos de leite, garantindo, assim, melhor qualidade de vida para crianças em todo o mundo.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o leite materno é um alimento completo e capaz de fornecer ao bebê os nutrientes necessários para sua sobrevivência e seu desenvolvimento. A amamentação é a forma da criança receber cálcio, fósforo e ferro, além de outras substâncias importantes para que tenha um crescimento saudável.

Nos primeiros seis meses de vida, deve ocorrer o aleitamento materno exclusivo, sem a complementação com nenhum alimento. Após o período de seis meses, outras substâncias podem ser oferecidas à criança. Vale salientar que vários estudos sugerem que crianças devem ser alimentadas com leite até, pelo menos, os dois ou três anos de idade.

Para as crianças que não podem ser alimentadas pelas mães, o Brasil conta com mais de 160 bancos de leite espalhados por todo o território nacional e uma campanha de incentivo chamada Doação de Leite Materno. A campanha do Ministério da Saúde em parceria com a Rede Global de Bancos de Leite Humano e o Programa Iberoamericano de Bancos de Leite Humano, visa estimular a doação de leite materno e tem grande importância para as crianças prematuras, de baixo peso, que estão internadas em hospitais e que não podem ser alimentadas diretamente no seio da mãe.

Para entender a importância da doação, um pote de leite pode alimentar até 10 recém-nascidos por dia. Dependendo, por exemplo, do peso e da situação do bebê, até mesmo 1 ml já é o suficiente para nutri-lo a cada vez que ele for alimentado. É o caso da necessidade de um recém-nascido prematuro.

Toda mulher que estiver amamentando é uma possível doadora. Basta ser saudável e não fazer uso de medicamentos que interfiram na amamentação. Faça a diferença e ajude nessa causa!

A aromaterapia e a saúde: os benefícios para a sua vida.

    WhatsApp Image 2018-07-16 at 11.25.44

     

    A aromaterapia é um ramo da fitoterapia que estuda as substâncias aromáticas, sendo os óleos essenciais os ativos dessa terapêutica. É um tratamento natural que já é utilizado popularmente na Europa há mais de 80 anos. Hoje em dia, a aromaterapia tem sido bem difundida em todo o mundo, sendo considerada uma terapia alternativa que é utilizada por diversos profissionais de saúde.
     
    Quais as áreas que utilizam a aromaterapia?
    A aromaterapia é praticada de muitas maneiras por diferentes grupos de pessoas, inclusive por médicos, psicoterapeutas, profissionais de estética, terapeutas de massagem, aromaterapeutas e até leigos.
    É utilizada na área estética, por oferecer resultados surpreendentes em procedimentos faciais e corporais, em tratamentos complexos como celulite, gordura localizada, rejuvenescimento, ou até mesmo, na limpeza de pele.
    No que se refere a estresse e ansiedade, estudos mostraram a utilidade da aromaterapia, obtendo redução dos níveis de ansiedade e estresse após terapias com óleos essenciais em diversos grupos sociais.
     
    O que são óleos essenciais?
    Os óleos essenciais são compostos químicos naturais, complexos e altamente voláteis, caracterizados por um aroma forte e produzidos como metabolitos secundários de plantas aromáticas, sendo compostos por moléculas químicas de alta complexidade. São usados em três gêneros de produtos: alimentícios, perfumaria e medicamentos. Podem atuar de diversas maneiras no organismo e podem ser aplicados diretamente na pele ou inalados.
    Cada óleo essencial, de acordo com a sua composição química, atua de forma diferente no nosso organismo, tendo um específico para cada objetivo. Os óleos essenciais podem, também, ser combinados com outros óleos que têm ação sinérgica, trazendo resultados ainda mais interessantes.
     
    Qual o objetivo da aromaterapia?
    A aromaterapia tem como principal objetivo equilibrar o corpo e a mente, sendo dividida em três principais ramos:
     
    Dermatológica: visa tratar diversas desordens deunhas, pele e cabelo, como micoses, queda de cabelo, feridas, hematomas, além de trazer benefícios estéticos (para a celulite, estrias, desidratação da pele).
     
    Aromacológica: inclui os benefícios que os óleos essenciais trazem para a área psíquica e emocional. Existem óleos com ação estimulante, que trazem segurança, autoestima, criatividade, relaxamento e bom-humor.
     
    Terapêutica: medicina alternativa para diversas doenças e desordens.
     
    Como utilizar a aromaterapia?
    A aromaterapia é muito versátil: os óleos podem ser usados de várias maneiras, podem ser ingeridos, utilizados em cremes de massagens, inalações, banhos de imersão, compressas, sabonetes, escalda pés, aromatização de ambientes, entre outros. Lembrando que alguns óleos essenciais não podem ser aplicados diretamente sobre a pele, devendo ser diluídos em óleos 100% vegetais.

Dr. Odir Souza, renomado fisioterapeuta, explica um pouco sobre o que todo o Brasil quer saber.

CAPA-BLOG_1200x663px

Segundo notícias, o Marcelo apresentou um quadro de Espasmo Muscular do Periforme, que é um músculo que se localiza na região de quadril, próximo à área profunda das nádegas, com sequela de lombalgia (Dor na região Lombar).

O Periforme é um músculo estabilizador da pelve e auxilia na abdução e rotação externa do quadril e coxa.

Diversas causas acompanham este tipo de lesão, tais como:

– Variações anatômicas;

– Exercícios excessivos para glúteo e traumas na região.

A prevenção se dá pelo reequilíbrio das forças musculares, bem como alongamentos.

De acordo com as declarações na mídia pelo médico da seleção, o colchão pode ser uma das causas. Faz sentido pelas variações anatômicas que acontecem quando dormimos, onde a melhor posição é deitada de lado, a coluna fica com seu eixo alinhado e colocando um travesseiro entre a distância do ombro e a cabeça para nivelar e uma almofada entre os joelhos. Não é recomendado dormir de barriga pra baixo.

O colchão ideal é um item importante na hora de relaxar. Existem produtos onde a densidade da espuma varia de acordo com o peso da pessoa, algumas pessoas preferem o colchão mais mole ou mais duro. Mas o colchão deve ser firme e sustentar a coluna, de acordo com as camadas de espuma e a variedade das molas. É de suma importância que as pessoas experimentem nas lojas o colchão que melhor se adapta ao seu corpo.

Vejo que esse espasmo pode ser aliviado com o uso de medicamentos e a fisioterapia, onde podem ser utilizadas técnicas de Eletroterapia e Termoterapia para melhorar a oxigenação do músculo, bem como retirar a dor e associado ao trabalho na piscina com alongamentos e complementando com exercícios específicos de reequilíbrio muscular para a região lombar.

Tive uma experiência parecida com essa, pois na Copa do Mundo de 2010, onde o goleiro Júlio César apresentou um quadro de espasmos, provocado por uma Hérnia e protrusão discal em um amistoso na África a uma semana de estrearmos no Mundial.

Usei esta metodologia de trabalho e consegui recuperá-lo neste período, onde participou de todos os jogos da Copa do Mundo da África do Sul 2010.

Acredito que, com o trabalho intensivo e a competência dos profissionais, poderemos contar com o Marcelo para próxima partida, pois o prognóstico é favorável e normalmente a recuperação é de, no máximo, uma semana em atletas.

Odir de Souza

Fisioterapeuta, Profº de Educação Física, 15 anos como Fisioterapeuta da Seleção Brasileira de Futebol Profissional, Mestre em Ciência da Motricidade Humana, Coordenador do Curso de Fisioterapia da Faculdade Gama e Souza e Conselheiro do Conselho Regional de Fisioterapia (CREFITO II).

 

Exercícios de alongamento

Voltados para o aumento da flexibilidade muscular, o alongamento é uma parte importante para se manter uma boa saúde e um bom condicionamento físico. Com uma rotina de exercícios para alongamento, é possível melhorar a amplitude de um movimento, aumentar a circulação sanguínea e acalmar a mente – o que pode ajudar a evitar lesões e doenças, além de proporcionar uma melhor noite de sono.

Pensando no seu bem estar, separamos algumas dicas de exercícios de alongamento, que te permitirá relaxar e acalmar a mente. Assista ao nosso vídeo, conduzido pela Renata Silveira (Educadora Física e Professora de Dança), e procure fazer a série completa pelo menos uma vez por dia para começar a sentir os benefícios.

Alimentos e digestão no período noturno

Blog_Imagem_periodo-noturno

Patricia Davidson Haiat foi a primeira Nutricionista Funcional do Rio de Janeiro e uma das pioneiras no Brasil.
Patricia Davidson Haiat foi a primeira Nutricionista Funcional do Rio de Janeiro e uma das pioneiras no Brasil.

Alguns alimentos “pesam” mais que outros para algumas pessoas, principalmente à noite. Como o período noturno é um momento que o corpo precisa estar relaxado para se preparar para o sono, alguns alimentos não são indicados, já que são mais inflamatórios e de digestão mais difícil.

Alimentos a base de trigo (pão, torradas, pizza e macarrão) e lácteos de vaca (queijos, leite, creme de leite) são os campeões da má digestão. Tanto o trigo quanto o leite de vaca possuem proteínas que não são bem digeridas. Mas algumas pessoas têm maior sensibilidade e sentem mais efeitos adversos, tais como azia, gases, pesadelos, suores noturnos e má qualidade no sono.

A carne vermelha também interfere na digestão de muitas pessoas. No entanto, quando corrigimos a alimentação como um todo e ajustamos a parte digestiva com nutrientes, enzimas e probióticos, elas passam a tolerar a carne de uma forma melhor na maioria das vezes.

O excesso de carboidrato à noite (como batatas, arroz, farofa e macarrão) também prejudicam a digestão e a qualidade do sono, podendo provocar pesadelos e suores noturnos.

O ideal é você identificar quais são os alimentos que não estão te fazendo bem e, a partir disso, retirá-los por um período para que o corpo volte a se realinhar e a se recuperar. No geral, uma alimentação mais leve no jantar, baseado em vegetais e legumes (podendo ser através de sopa) e carnes brancas – como peixe e frango – são mais tolerados pelo organismo.

Outra estratégia é também lançar mão de opções vegetarianas, como cogumelos (shiitake, shimeji), grão de bico, quinoa, raízes como inhame, batata baroa, batata doce e outros. Chás digestivos também são indicados, como hortelã, espinheira santa e gengibre, além dos calmantes, como melissa e camomila: a mistura dos dois ajuda muita gente a pegar no sono mais rápido.

Mas cada um desses ajustes dependerá do seu objetivo e da orientação do seu nutricionista. Cuide da sua alimentação e garanta mais qualidade de sono e de vida!