Dr. Odir Souza, renomado fisioterapeuta, explica um pouco sobre o que todo o Brasil quer saber.

CAPA-BLOG_1200x663px

Segundo notícias, o Marcelo apresentou um quadro de Espasmo Muscular do Periforme, que é um músculo que se localiza na região de quadril, próximo à área profunda das nádegas, com sequela de lombalgia (Dor na região Lombar).

O Periforme é um músculo estabilizador da pelve e auxilia na abdução e rotação externa do quadril e coxa.

Diversas causas acompanham este tipo de lesão, tais como:

– Variações anatômicas;

– Exercícios excessivos para glúteo e traumas na região.

A prevenção se dá pelo reequilíbrio das forças musculares, bem como alongamentos.

De acordo com as declarações na mídia pelo médico da seleção, o colchão pode ser uma das causas. Faz sentido pelas variações anatômicas que acontecem quando dormimos, onde a melhor posição é deitada de lado, a coluna fica com seu eixo alinhado e colocando um travesseiro entre a distância do ombro e a cabeça para nivelar e uma almofada entre os joelhos. Não é recomendado dormir de barriga pra baixo.

O colchão ideal é um item importante na hora de relaxar. Existem produtos onde a densidade da espuma varia de acordo com o peso da pessoa, algumas pessoas preferem o colchão mais mole ou mais duro. Mas o colchão deve ser firme e sustentar a coluna, de acordo com as camadas de espuma e a variedade das molas. É de suma importância que as pessoas experimentem nas lojas o colchão que melhor se adapta ao seu corpo.

Vejo que esse espasmo pode ser aliviado com o uso de medicamentos e a fisioterapia, onde podem ser utilizadas técnicas de Eletroterapia e Termoterapia para melhorar a oxigenação do músculo, bem como retirar a dor e associado ao trabalho na piscina com alongamentos e complementando com exercícios específicos de reequilíbrio muscular para a região lombar.

Tive uma experiência parecida com essa, pois na Copa do Mundo de 2010, onde o goleiro Júlio César apresentou um quadro de espasmos, provocado por uma Hérnia e protrusão discal em um amistoso na África a uma semana de estrearmos no Mundial.

Usei esta metodologia de trabalho e consegui recuperá-lo neste período, onde participou de todos os jogos da Copa do Mundo da África do Sul 2010.

Acredito que, com o trabalho intensivo e a competência dos profissionais, poderemos contar com o Marcelo para próxima partida, pois o prognóstico é favorável e normalmente a recuperação é de, no máximo, uma semana em atletas.

Odir de Souza

Fisioterapeuta, Profº de Educação Física, 15 anos como Fisioterapeuta da Seleção Brasileira de Futebol Profissional, Mestre em Ciência da Motricidade Humana, Coordenador do Curso de Fisioterapia da Faculdade Gama e Souza e Conselheiro do Conselho Regional de Fisioterapia (CREFITO II).

 

Frutas para o sono

blog_imagem_fruta-sono

Yasmim Amorim é nutricionista, coaching em emagrecimento e qualidade de vida e professional nutrition coaching. É sócia proprietária do Instituto de Saúde e Bem-estar.
Yasmim Amorim é nutricionista, coaching em emagrecimento e qualidade de vida e professional nutrition coaching. É sócia proprietária do Instituto de Saúde e Bem-estar.

É comum ouvirmos queixas de pessoas com cansaço e indisposição durante o dia, mas que quando anoitece e se deitam, o sono desaparece. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 40% da população dorme mal e apresenta alguma das 80 síndromes listadas pela Classificação Internacional dos Distúrbios do Sono. Por conta disso, a qualidade de vida é diretamente afetada.

Uma das coisas que pode auxiliar nesse processo é a alimentação: o que você come antes de dormir interfere na qualidade do seu sono e na sua disposição diária. Os alimentos que auxiliam nesse processo são ricos em triptofano, um aminoácido que regula os níveis de serotonina no cérebro e diminui a atividade do corpo, contribuindo para o relaxamento.
Mas tome cuidado! Alimentos ricos em açúcares e de alto índice glicêmico
podem prejudicar todo esse processo e ainda contribuir para o ganho de peso. Isso acontece porque o açúcar deixa o corpo em estado de alerta e agitação. Esse estado pode acontecer até mesmo com a frutose (açúcar das frutas). Caso queira consumir uma fruta antes de dormir, opte pelas de baixo índice glicêmico e que possam contribuir com o processo do sono.

Algumas boas opções:
– Abacate: auxilia na modulação de cortisol (hormônio do stress) e pode contribuir com a produção de melatonina (hormônio que estimula o repouso).
– Coco: excelente fruta, que possui muita fibra e pouco açúcar, sendo de baixo índice glicêmico e que trás saciedade durante as horas de sono.
– Maracujá: fruta de baixa carga glicêmica e rica em fitoquímicos. Além disso, possui poder calmante, contribuindo para o processo de relaxamento.

Mas fique atento. Essas frutas são excelentes opções in natura. Não deve ser adicionado açúcar, mel ou outros açúcares e adoçantes, já que podem prejudicar seu poder benéfico para o sono.